Siga nossas redes!

Saiba o que é tremor essencial (não relacionado à Parkinson)

Saúde Física

O tremor essencial (TE) é o distúrbio de movimento mais comum na idade adulta, embora possa ser diagnosticado desde a infância.

É caracterizado pelo tremor em ambos os lados do corpo, especialmente nos membros superiores.

O tremor se manifesta durante os movimentos voluntários, prejudicando a escrita, a alimentação e várias outras atividades da vida diária.

Juntamente com as manifestações motoras, existem outros sinais e sintomas associados ao TE, como demência, ansiedade, depressão, distúrbio de comportamento do sono, disfunção cognitiva e/ou anormalidades sensoriais. Fatores ambientais, como o consumo excessivo de cafeína e a exposição a pesticidas, chumbo e outros metais pesados, têm sido implicados como possíveis fatores de risco para o TE.

Estudos têm demonstrado, através da identificação de variantes genéticas, a importância dos fatores genéticos para esta condição.


O gene LINGO1 codifica uma proteína que está envolvida na manutenção de componentes que fazem parte do sistema nervoso, na regulação da mielinização e sobrevivência neuronal.

Estudos indicam que um defeito na sua função pode alterar a manutenção do funcionamento adequado do tecido neuronal, tornando difícil para o sistema nervoso regenerar áreas lesadas, o que pode levar a um possível desenvolvimento de tremor essencial. A presença do alelo rs9652490-G neste gene tem sido associada ao risco de desenvolver o TE.


Sugestões:
Quando temos a ausência do alelo rs9652490-G indica que você pode apresentar menor suscetibilidade de desenvolver tremor essencial (não relacionado a Parkinson) em comparação aos indivíduos que possuem cópias do mesmo. No entanto, existem outros fatores de risco genético e fatores ambientais que podem contribuir para o desenvolvimento deste distúrbio.


Referências bibliográficas:
CCODD, Veryan et al. Identification of seven loci affecting mean telomere length and their association with disease. Nature Genetics, v. 45, n. 4, p.422-427, 2013.

Artigos Relacionados

Faça parte da lista de conteúdo exclusivos.

Preencha o formulário abaixo para receber os conteúdos.

💬 Precisa de ajuda?